Minha Casa Pre Fabricada

Tesouro dos EUA impõe sanções a líder de gangue brasileiro

O Departamento do Tesouro dos EUA anunciou na quinta-feira sanções contra Diego Macedo Gonçalves do Carmo, membro do Primeiro Comando da Capital (PCC), que o departamento descreveu como “o grupo do crime organizado mais poderoso do Brasil e um dos mais poderosos do mundo”.

Gonçalves, mais conhecido no Brasil pelo apelido de “Brahma”, cumpre pena de oito anos de prisão na cidade de Porto Velho, no estado amazônico de Rondônia. O veredicto, proferido no final de 2022, diz que Gonçalves é responsável pela lavagem de R$ 1,2 bilhão (US$ 240 milhões) para o PCC.

O Departamento do Tesouro dos EUA disse em comunicado que “embora encarcerado, [Mr.] Gonçalves continua ativo nos assuntos do PCC, emitindo instruções atrás das grades.” Atuar dentro da prisão é uma marca registrada do PCC, e o grupo criminoso é famoso por ter sido fundado dentro de um presídio.

De acordo com as sanções, qualquer propriedade do Sr. Gonçalves nos EUA ou na posse ou controle de pessoas dos EUA deve ser bloqueada e reportada ao Escritório de Controle de Ativos Estrangeiros (OFAC). O departamento acrescentou que a mudança “não teria sido possível sem a cooperação das autoridades brasileiras responsáveis ​​pela aplicação da lei”. O governo dos EUA já sancionou outros membros do PCC.



Com informações de Brazilian Report.

Minha Casa Pre Fabricada

Similar Posts