Minha Casa Pre Fabricada

Light, distribuidora de energia do Rio, está em apuros

Empresa de serviços públicos brasileira luta para obter luz verde dos credores

A Light SA, holding proprietária da Light SESA, concessionária que distribui energia elétrica para 31 cidades do estado do Rio de Janeiro, incluindo a capital do estado, entrou com pedido de recuperação judicial em maio passado, sob pressão do aumento da dívida, taxas de inadimplência e menor demanda de grandes clientes.

Após meses de negociações, a empresa disse esta semana que não obteve luz verde dos seus principais credores – principalmente detentores de títulos e debêntures – para o plano de recuperação que apresentou em julho.

Situação atual. A Light apresentará seu plano a todos os credores no dia 21 de março, uma medida arriscada de ser executada sem acordo prévio e vinculativo dos detentores de títulos. Além disso, a empresa depende da aprovação do seu plano para negociar a renovação da sua concessão de fornecimento de energia elétrica ao Rio, que expira em 2026.

Por que isso importa. O caso da Light é único. No Brasil, de acordo com a Lei 12.767/2012, as concessionárias de energia não estão autorizadas a recorrer à recuperação judicial ou extrajudicial. Como sua subsidiária não pôde fazê-lo, a holding entrou com pedido de recuperação judicial.

  • Dos R$ 11 bilhões (US$ 2,2 bilhões) em dívidas reportadas pelo grupo, R$ 9 bilhões são devidos apenas pela Light SESA. A lista de credores inclui mais de 40 mil investidores individuais, 250 fundos de investimento e dez instituições financeiras nacionais e estrangeiras.



Com informações de Brazilian Report.

Minha Casa Pre Fabricada

Similar Posts