Minha Casa Pre Fabricada

Mensalidades escolares e preços dos alimentos travam o progresso da inflação no Brasil

Tal como noutros países latino-americanos, a inflação subiu em Fevereiro no Brasil.

Impulsionados pelas propinas escolares e pelos custos dos alimentos, os preços subiram 0,83%, mostrou a última leitura da inflação. O aumento mensal do índice IPCA, o indicador oficial de preços ao consumidor do Brasil, ficou muito acima das expectativas medianas do mercado, de cerca de 0,78 por cento, por Reuters.

Tal como já sugeria o índice semestral, a pressão mais significativa veio do grupo de preços ligados à educação, que subiu 4,98 por cento e foi responsável pelo impacto mais significativo no índice (0,29 pontos percentuais). Os preços dos alimentos e dos transportes também elevaram o custo de vida, empurrando o IPCA em 0,2 e 0,15 pontos percentuais, respectivamente.

Os custos de transporte aumentaram devido aos aumentos nos preços dos combustíveis após a decisão dos governos estaduais de aumentar os impostos sobre o consumo em 12,5% como forma de compensar as mudanças feitas pelo governo de Jair Bolsonaro e, ao mesmo tempo, impulsionar o mercado que em breve será criado. taxa de IVA local que surgirá com a reforma fiscal.

A taxa acumulada em 12 meses até fevereiro desacelerou para 4,50 por cento, ante 4,51 por cento em janeiro, mas também ficou acima dos economistas consultados pela Reuters, que esperavam algo em torno de 4,44 por cento.

Apesar da ligeira descida da inflação global, os números recentes sinalizaram que a tendência de desinflação de 2023 pode ter estagnado no início de 2024. Como resultado, as famílias de baixos rendimentos provavelmente sentirão o impacto de…



Com informações de Brazilian Report.

Minha Casa Pre Fabricada

Similar Posts